IURD ALPHAVILLE

IURD ALPHAVILLE
Alameda Araguaia,501- Alphaville - Barueri - SP. Contato 3431 1681

13 de dez de 2010

Blog do Bispo

Amigo internalta gostaria de lhe convidar a acessar o blog do Bispo Edir Macedo:
http://bispomacedo.com.br/blog/

Nesse site você encontrará mensagens de paz e conforto para o seu coração

Deus abençoe a todos

19 de out de 2010

Cuidado com o profeta velho

A principal característica do profeta velho é o engano.

Em I Reis 13, encontramos um homem de Deus sendo enganado por aquele que deveria orientá-lo, falar a verdade e guiá-lo no caminho certo.

Temos visto nos últimos dias uma verdadeira demonstração de que o espírito do profeta velho continua atuando e tentando levar as pessoas ao engano.

Veja o que aconteceu com o pastor Silas Malafaia, que iniciou a campanha política apoiando a candidata Marina Silva e depois, usando o argumento frágil de que o partido dela, o PV, apoiava o aborto, mudou de lado e, para justificar que não apoiaria a candidata Dilma, acusou o PT de ser a favor do aborto e apoiar o casamento de homossexuais. Pronto, o caminho estava aberto para, sabe-se lá com que interesse, apoiar o candidato Serra.

Como não há nada escondido que não seja revelado, veio a declaração do próprio Serra, em vários meios de comunicação, de que é favorável ao casamento de homossexuais. E não para por aí não. Explodiu como uma bomba a denúncia de algumas ex-alunas da esposa do candidato, Monica Serra, que ficaram indignadas com a hipocrisia do casal de que, como cristãos, são radicalmente contra o aborto. Inclusive, a Sra. Monica chegou a dizer que se Dilma vencesse, ela iria matar as criancinhas.

Revoltadas, as alunas disseram que em uma aula, muito tempo atrás, a Sra. Monica declarou que havia feito aborto, com o consentimento de seu marido José Serra.

Agora ficam as perguntas: O que fez o pastor Malafaia mudar de lado? Ele vai continuar apoiando o Serra?

Diante desse cenário temos que lembrar o que aconteceu com o homem de Deus (I Reis 13) que seguia o seu caminho e foi levado à morte, enganado pelo profeta velho, porque não guardou a sua fé.

4 de out de 2010

Dilma desmente boatos da internet

Página inicial > Fatos

Notícia inverídica na rede depõe contra a candidata do PT à Presidência

Na semana passada, entre as muitas notícias que em questão de minutos se espalham pela internet, contagiando mentes desavisadas com inverdades, uma criou especial euforia, principalmente entre cristãos que, infelizmente, deixaram-se levar pelos boatos infundados e engrossaram a lista dos disseminadores de spams.

Um texto mal redigido, que não respeita as regras básicas do jornalismo, dizia: “Após a inauguração de um comitê em Minas, Dilma é entrevistada por um jornalista local...” Um comitê em Minas? Que lugar de Minas? Entrevistada por um jornalista local? Que local?
E o texto segue colocando entre aspas uma declaração onde a candidata à Presidência da República, Dilma Roussef, supostamente afirmaria: “Nem mesmo Cristo querendo, me tira essa vitória.” A ideia parece ter sido criar entre os cristãos um repúdio à candidata. Boa parte de fato caiu na armadilha e, de forma irresponsável, espalhou a notícia, sem o cuidado de verificar sua veracidade.
Nota divulgada pela assessoria de comunicação de Dilma afirma que a candidata “nunca reconheceu uma vitória antecipadamente. Ao contrário, ela tem dito que pesquisa não ganha eleição, que eleição se ganha na urna”. A assessoria afirma ainda: “É inadmissível que queiram vencer as eleições com base em calúnias e difamações.”
Segundo o coordenador de comunicação da campanha de Dilma e candidato a Deputado Estadual por São Paulo, Rui Falcão, “ela nunca deu esta declaração. É uma calúnia. Dilma respeita todas as religiões e jamais usaria o nome de Cristo em vão. Ainda mais com esse tom de arrogância, que não é do temperamento dela, muito menos de soberba com os eleitores”.
O texto do e-mail que espalhou a informação falsa não menciona nome de veículo nem o tipo de mídia para o qual Dilma teria dado tal declaração, tampouco há algum vídeo ou gravação que comprovem que ela teria dito isso.

Estamos a poucos dias das eleições que vão definir quem será o governante do nosso país pelos próximos 4 anos. A responsabilidade de escolha está nas mãos da população e isso não pode ser feito de forma leviana. As informações positivas que recebemos sobre os candidatos que merecem nossa preferência devem ser tão checadas quanto as informações negativas sobre candidatos que não receberão nosso voto, antes de serem disseminadas. Quem divulga uma inverdade pode corroborar para a criação de um Estado baseado na mentira.

23 de set de 2010

Autoridade Espiritual

Os discípulos não tinham qualquer preparo espiritual, nem sequer eram ungidos com o Espírito Santo para curar os enfermos, ressuscitar mortos, purificar leprosos e expelir demônios, mas a ordem havia sido dada. O sucesso da missão dependia apenas de obediência à ordem de Jesus. Eles creram e, por isso, obedeceram. Atitudes de obediência provaram sua fé e os milagres aconteceram. Conclui-se, então, que fé é questão de obediência à Palavra.


As pessoas espirituais têm consciência de que o ministério da fé não funciona de acordo com as doutrinas religiosas. Não depende de ter ou não conhecimentos teológicos para a obra de Deus se desenvolver. Mas, de simples obediência à Palavra Divina.

Essa é a condição básica para a manifestação do Poder de Deus. A partir da prática da ordem Divina, o Espírito de Deus traz à existência as coisas que não existem.

Os benefícios da fé nada têm a ver com méritos, tempo de igreja, batismo com o Espírito Santo, batismo nas águas, etc. Têm a ver, sim, com a obediência. Abraão foi considerado homem puro e justo por conta de sua coragem em obedecer a Deus.